CAÇADORES DE FÓSSEIS Ciência Hoje Colunas

Alexander Kellner

Desde dezembro de 2004, a coluna ‘Caçadores de fósseis’ traz novidades da pesquisa paleontológica no Brasil e no mundo. Seu autor é Alexander Kellner, paleontólogo e professor do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

CAÇADORES DE FÓSSEIS Ciência Hoje Colunas
Alexander Kellner

Desde dezembro de 2004, a coluna ‘Caçadores de fósseis’ traz novidades da pesquisa paleontológica no Brasil e no mundo. Seu autor é Alexander Kellner, paleontólogo e professor do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Verão abaixo de zero

O colunista Alexander Kellner retornou, com seus colegas, de uma expedição à Antártica, que se tornou o maior acampamento já realizado pelo Brasil naquela região. Nesta e nas próximas colunas, ele relata a aventura no continente gelado, dos preparativos à viagem de volta.

Ainda a extinção dos dinossauros

Estudo apresenta datação mais precisa da sequência de lava basáltica 'Deccan Traps', na Índia. O vulcanismo teria se acelerado após o impacto de um corpo celeste, contribuindo para a extinção em massa ocorrida há 66 milhões de anos – confira os comentários de Alexander Kellner.

Lagarto do deserto brasileiro

Paleontólogos acabam de descrever um lagarto fóssil procedente do Brasil. ‘Gueragama sulamericana’ é o primeiro registro de acrodontes na América do Sul, modificando a história evolutiva desse grupo, apresenta Alexander Kellner.

Paleontologia na sala de aula

O tema da coluna de Alexander Kellner de agosto é um recém-lançado livro digital de paleontologia destinado ao ensino fundamental e médio. Projeto visa fornecer subsídios aos professores, incluindo atividades lúdicas, para aulas sobre fósseis.

Dragão (jurássico) chinês

Dinossauro com os membros anteriores muito desenvolvidos e um osso alongado na região do pulso sustentando uma membrana alar mostra uma nova maneira de voar desenvolvida por esses répteis, apresenta Alexander Kellner em sua coluna.

Mundo dos dinossauros, ficção e realidade

Estudo encontra evidências de colágeno e possíveis restos de glóbulos vermelhos em seis fósseis de dinossauros de 75 milhões de anos. Os resultados sugerem que a preservação de estruturas orgânicas originais pode ser mais comum do que se pensa, relata Alexander Kellner em sua coluna de junho.

Primeiro terópode jurássico herbívoro

Espécie que se alimentava de plantas é descoberta em fase inicial da evolução desse grupo. O achado, tema da coluna de Alexander Kellner, demonstra que os hábitos alimentares desses dinossauros predominantemente carnívoros eram bem mais complexos do que se supunha.

Uma nova ave do terror

O mais completo exemplar do grupo de aves carnívoras que eram os principais predadores de sua época foi encontrado na Argentina em depósitos de 3,3 milhões de anos. A nova espécie, tema da coluna de Alexander Kellner, traz informações sobre a audição e a visão desses animais.