Resultados Imediatos

Aplicativos para museus e centros de ciência

Visitantes melhoram suas experiências com aplicativos para celular e os benefícios são visíveis, com impactos potenciais no despertar da curiosidade científica.

Segurança dos alimentos:
a realidade nas residências brasileiras

No mundo, a maioria dos surtos de doenças transmitidas por alimentos ocorre em residências. O Brasil não é exceção. Pesquisa mostra que boa parte dos domicílios do país tem práticas inadequadas de higiene, manuseio e armazenamento de alimentos.

Barreira para raios cósmicos

Onde e como são acelerados os raios cósmicos galácticos? Essa é uma pergunta já secular sobre esses núcleos atômicos ultraenergéticos que viajam pela Via Láctea e podem atingir a Terra. Agora, trabalho recente acrescenta dado importante para ajudar a responder a essa questão.

Anfíbios, chorinho e meio ambiente

A descoberta de uma nova espécie de perereca deixou felizes pesquisadores entristecidos pela devastação da mata onde o anfíbio foi encontrado. Na hora de batizá-lo, eles se lembraram da música de um compositor brasileiro capaz de transformar choro em alegria.

CRIME E COVID-19 NO RIO DE JANEIRO
O poder paralelo e sua influência na evolução da doença

Modelo desenvolvido por físicos teóricos brasileiros reflete com precisão os cenários de infecção pelo vírus da covid-19 em áreas da cidade do Rio de Janeiro que vivenciam mobilidades distintas de suas populações: aquelas com plena atuação do Estado e as que estão sob o domínio ou do tráfico, ou da milícia. O modelo é também capaz de fazer previsões sobre o endurecimento ou afrouxamento do isolamento social.

Ilhas perdidas de Petrópolis

Estudo de mapa do município do século 19 mostra a modificação do formato dos rios e aponta que essa transformação, associada a variáveis físicas e intervenção humana, é responsável por eventos de inundação

Buracos negros deformados

Buracos negros com rotação podem sofrer deformações quando submetidos a forças semelhantes às que criam as marés nos oceanos da Terra.

É possível prever 2030?

Uso de autômatos celulares – modelos de evolução temporal que simulam mudanças do espaço – permite prever como será a configuração da área urbana no final da década. Pesquisa mostrou uma expansão significativa da região.

Abrir Chat