As vacas esféricas e a arte das aproximações

Imagine vacas transformadas em ‘bolotas’ de carne e tendo que viver no vácuo. Soa estapafúrdio, não? Mas é com base nessas aproximações que os físicos resolvem muitos problemas complexos e conseguem descrever com precisão a natureza, dos átomos ao cosmos

Muitas vezes, em minhas aulas ou ao orientar meus estudantes de pós-graduação, costumo contar uma anedota muito popular entre os físicos de todo o mundo. Trata-se da piada da vaca esférica. 

Há diversas versões, mas uma delas relata que um produtor de leite queria melhorar a produtividade de sua fazenda e, para isso, contatou uma universidade para ajudar a resolver o problema. 

Adilson de Oliveira

Departamento de Física,
Universidade Federal de São Carlos (SP)

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje

Open chat