Quatro ‘Brasis’ frente às mudanças climáticas

Antenado, perdido, desligado ou incrédulo? Com qual desses grupos você se identifica quando o assunto são as mudanças climáticas? Pesquisa da UFMG apontou que esses são os quatro perfis principais da população brasileira na percepção das transformações do clima da Terra e de suas consequências imediatas ou para as futuras gerações.

CRÉDITO: ILUSTRAÇÕES MARINA TOMÁS

É consenso entre os cientistas de que as mudanças climáticas são reais, resultam da ação humana e, cada vez mais, causarão danos à sociedade por meio de eventos climáticos extremos, alterações em ecossistemas, extinção de espécies e surgimento de novas doenças. Mesmo diante dessa unanimidade, há uma preocupação em saber como as pessoas fora da comunidade científica encaram esse fenômeno e quais as consequências das inúmeras campanhas de desinformação sobre o tema. Afinal, como é a percepção das mudanças climáticas no Brasil? As pessoas se preocupam com o aumento da temperatura do planeta? Qual parte da população nega a realidade do fenômeno? Como podemos informar mais e melhor sobre o tema?

Marina Tomás
Departamento de Sociologia e Observatório InCiTe (Inovação, Cidadania e Tecnociência)
Universidade Federal de Minas Gerais

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje

Abrir Chat